terça-feira, 21 de setembro de 2010

missing...

ThomasRucker.com
Tenho sentido muita saudade das coisas, sobretudo das pessoas... e nem fui embora ainda...ouvindo Maria Rita outro dia, (e agora mesmo tbm!), lembrei-me de Jon...do quanto me fez bem encontrá-lo no dia em que sai pra tomar uma cerva. Sai do jeito que estava: cansada, suada, sem tomar banho, sem me arruumar, cabelo desgrenhado... e ele veio e me quis do jeito q eu estava e me teve, me teve muito, muito, muito...tenho lembrado dele frequentemente ; A Festa, de Maria Rita, é pra ele: "Já falei tantas vezes do verde dos teu olhos" e que olhos! que boca, que corpo, que...ai.

Tenho tbm redescoberto Sandra de Sá, maravilhosa. "Olhos coloridos" me lembram vinil Brasil, que me lembra Vevé, meu primo rsrsrrs....outro encontro quando eu tbm precisava muito. E agora me encontro na mesma situação, mas nao estou saindo, entao é pouco provavel que eu me depare com um salvador da pátria por aki...mas ando precisada, muito. Porque infelizmente gosto deles, gosto desses espécimes, meu desejo é todo por eles. Gosto dos q vem em momentos assim e ficam; nenhum nunca ficou de fato, mas ficam aki na minha mente, no meu coração, tornam-se lembranças boas sem todas akelas implicancias, sem o lado mal pq só me deixaram o lado bom. Todos poderiam ter passado por mim assim; se nao era pra ficar, que deixassem então só o lado bom comigo.

Tenho sentido tanta vontade de ficar perto de todos num momento em que devo mesmo me enclausurar pra escrever. saudade de algo mais. Sei q disse chega de saudade no ultimo post, mas...a saudade nunca chega alugar algum. E nunca vai. Jon, Vevé...gosto de lembrar de vcs; dá um apertozinho, vontade de ver de novo. Mas é uma coisa normal, e não akela saudade-sofrimento-sufocante que já tive por...outros. Bye.