Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 4, 2010
E depois de um pouco de revolta, vem a revolta egocêntrica: a revolta comigo mesma...depois de considerar prós e contras, de justificar e acusar o causador de minhas dores emocionais, me pego suspirando e digo: por que ainda amo desse jeito? isso passa, menina, vc ainda não aprendeu? não!! passa? não, tem sempre akele resquício, akela coisa q vc sente quando passa pelo predio em que ele trabalha, vai até o quinto andar, para na porta do escritorio e nao se mexe, sem coragem de entrar - ele pode axar que é perseguição - e torce pra que ele apareça, assim de repente, e vc de uma desculpa esfarrapadissima por estar ali, ou não, de repente ele nem pergunta, axa que vc vai ao dentista, pois ja a encontrou uma vez por ali exatamente num consultorio odontológico. Seu dente chega a doer com esse pensamento, vc espera, ele não aparece e vc vai embora. Tipico amor-burro, amor-medo, amor da negação do amor. Ainda tem amor, mas vc decide que não tem, fica racional e manda em vc mesma, mas vez em …

um pouco de revolta

Ninguem realmente sabe quantas lágrimas hay derramado sobre a terra ate que haja ouvido November Rain as 23:54 de uma terça feira sã, não insana. E ai vc se lembra de todos os filmes tristes que viu, de como vc se identificava com todos os personagens tristes, nem sempre protagonistas, ... meu Deus, tantas lágrimas, tanta dor...a gente vive "just trying to kill the pain". E parece que ninguém tá nem aí, mas ninguém ta nem ai mesmo, porque a dor é sua, é só sua, mas sua alegria pode ser invejada e tomada, porém sua dor ninguém quer compartilhar... tome uma coca à meia noite, ou as 23:57 dessa terça nada insana. Porque na dor vc ve tudo muito mais claramente...e as pessoas normais acham que vc é doente e precisa de tratamento psicanalítico, precisa de psicotropicos, precisa de ... vc só precisa do que Jesus ordenou a todos: amar. Amar na plena certeza da palavra, amar sem pisar em ovos, sem ter medo da reação de fuga do outro. mas falar disso me cansa, me cansa tanto, como se e…