Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

Esse tal de rock'n'rol

Chamar-se-ia Pascoal se o pai não tivesse já consigo o nome, antes da concepção: Israel. Aí veio o complemento, Marcos. O nascimento meio que forçado lhe imprimiu n'alma a forte ligação com a mãe. Bonds - novamente o inglês traduz quase que perfeitamente os laços afetivos-familiares. 
Já tinha duas irmãs. Era artista: desenhava mangás amadores sobre suas aventuras com a irmã (eu!). Por um motivo ou outro, rompeu com o desenho e foi pra música: violão, guitarra, tocar na Igreja, etc. na adolescência, o gosto pelo rock aflorou: grunge, punk, Nirvana e Green Day, pelo menos são os que me lembro. Com isso, aquele estigma dos 27 anos: não passaria disso. Hoje ele faz 27 e preocupo-me. Está tudo bem, irmão? Espero que sim. 
Hoje é páscoa, amanhã é Páscoa, nem sei. Sempre ganhávamos ovos, sem crença no coelhinho, sempre soubemos que nosso pai era o coelho, sem traumas por causa da criação cristã. Esse ano, o coelho sou eu mesma. Aliás, já sou eu há uns seis anos. Não deixo de comprar um…

Dentes, Diamantes, Poesia e eu

Inscrevo-me, concursos, concursos e mais concursos. Concurso do Estado-MG, no aguardo de, quem sabe, ser chamada; concurso literário, no aguardo de, quem sabe, ganhar 50.000!!!; concurso Coluni no aguardo de, quem sabe, ganhar um contrato até o fim desse ano... mas quando se tem uma concorrência que já viajou para os US aí fica difícil né... Enquanto isso, monitoria, trabalho - aulas - e falta de grana, normal. Não sei como certas pessoas conseguem guardar dinheiro, não sei como conseguem ter uma família. Toda vez que vou trabalhar lá pelas 6, vejo crianças saindo de uma escola ali perto, com mochilas bonitinhas, lacinhos e arquinhos na cabeça, tênis novos, uniformes... como fornecer tudo isso a uma criança com míseros dois, três salários mínimos? Sim, míseros, porque viver está ficando cada vez mais caro. Penso em egoísmo: estarei tendo-o por pensar bastante antes de ter um filho ou serei ainda mais egoísta por tê-lo apenas para satisfazer uma vontade pessoal, que dizem que nasce co…

Petrópolis

Petrópolis lembra as minhas avós (in memorian, ambas). Íamos todos, geralmente no final do ano ou quando dava, visitá-las: às vezes as duas, às vezes uma só. Lembro que uma época minha avó materna morava numa casa no meio de um escadão, e de lá dava pra ver uma grande montanha com uma grande pedra em cima, como se estivesse solta. Minha mãe me dizia qualquer coisa sobre aquela pedra cair e eu ficava horas olhando-a e imaginando se ela nos atingiria, se rolaria, se um dia ia mesmo cair e como. Tinha medo, mas excitação diante do fato, ao mesmo tempo. Minha avó não tinha paciência conosco, ao passo que minha mãe era toda amor, ainda o é. 
Minha outra avó era toda doce, alegre. Dava sempre uma risadinha gostosa de ouvir, deixava a gente livre, enfim. Contou-me uma história triste de como foi se casamento (arranjado), mas vivia rindo, orando, sempre falando de Deus de modo apaixonado. 
Petrópolis me lembra que eu tinha uma bola dos ursinhos carinhosos que deixei rolar morro abaixo um dia…

Quarta-feira Mara

Tirou a quarta-feira para si. Não foi à aula. Chamava-se Mara, talvez... amarga. A vida lhe fizera amarga, sempre pensara assim. Mas de uns tempos pra cá, à beira dos trinta, não era bem assim: a amargura ou amarguez tinha algo de inato nela. Precisava de tratamento. Apesar disso, tomou a noite da quarta-feira nas mãos: um banho bom, depilação inteira... olhou a gilette velha pendurada e pensou: "Não... tudo novo hoje, já!" e jogou fora, pegando a nova. pernas, virilha até e... por que tinha que tirar os pêlos se, pelas muitas leituras feministas que andara fazendo, sabia que a mulher é dona de si? por que tirar o que nasce naturalmente em si? Por que lutar contra o corpo? Feminista, mas achava demais homens e mulheres trans... jamais agrediria o próprio corpo dessa forma, mas tentava entender como eles deviam se sentir deslocados dentro de si... e não entendia. Mas tirou os pêlos, ao menos os mais visíveis. Passou óleo corporal, lixou o calcanhar, sentiu seu corpo, mulher,…

Amici

"Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão fartos" Mateus 5:6
É estranho começar a planejar a própria festa de aniversário e se perceber que não há convidados, só o que chamaria de convidaddos "técnicos": pessoas do trabalho, conhecidos, gente com quem se mora... Se não tenho amigos, ou se sou tão egoísta/egocêntrica a ponto de não considerar alguém como amigo, a culpa é minha. Ou da distimia. Minha falta de comunicação ou omissão sempre parece aos outros descaso, desprezo, orgulho. Queria me explicar, me fazer entender de alguma forma. Falho sempre. E não falo sempre o que deveria dizer. 
Bom, amigos. Ter ou não ter, tenho ou não tenho? desde criança nunca soube me enturmar, ficava lá no canto e, as criancinhas mais ousadas vinham, mechiam, se tornavam coleguinhas ou eu me tornava alvo de bullying. Será que isso me traumatizou? Será que tudo que já me aconteceu tem a ver com essa sempiterna dificuldade? Óbvio que sim, mas em que medida? Até q…

Da Poesia - ou É tudo amor

A poesia preenche a alma. Fui ao II Encontro com os Clássicos hoje e, apesar da demora, valeu muito a pena. Duas palestras brilhantíssimas ministradas por dois especialistas em Camões e Fernando Pessoa. As falas em si e as poesias lidas intercaladas foram de elevar a alma, meu espírito pulsou, até mesmo produzi dois sonetos durante o evento. Queria ter feito um comentário, mas fiquei com medo de não saber me expressar bem falando, como me é mesmo peculiar, e também pelo tempo que já estava se esgotando para comentários e questionamentos. Meu comentário seria sobre a diminuição que sentimos, ou que um poeta contemporâneo pode sentir, quando se depara com os clássicos, os grandes, os gênios; e também sobre o fazer poético, relacionado à essa diminuição... nem ousaria me chamar poeta/poetisa diante do sabor de Pessoa e Camões. Fiquei pensando que se o primeiro professor que palestrou se inscrever nesse concurso literário de BH, eu tô perdida. Mas ainda assim vou me inscrever. 
Ultimamen…

Dia feliz

Feliz dia... o meu começou mal.   Dinheiro, distimia atacando, mal estar. E o vizinho ouvindo forró a toda. Shit. 
É a terceira vez que minha omissão ou falta de comunicação me causa dores emocionais e sociais. Me sinto acuada quando uma série de acontecimentos me tiram do eixo, da minha organização interna. E assim mais uma vez tem sido. Não falo e muitas vezes não peço ajuda por não ser afeita à palavra aflada. Se eu fosse muda seria talvez mais feliz. Me dá preguiça. Prefiro me reservar, recuar, passar necessidades, padecer. E assim tem sido. Aí diz que eu sou a boazona, que me acho, orgulhosa. Just damn it. E quando as coisas e as pessoas começam a me perceber, reflito se não estou fazendo tudo errado, se não estou sendo muito eu. E sim, estou. Errando por ser "doente". Já estive em psicólogos... será que é hora de um psiquiatra?
Quando a sua organização interna está bem, vc tem a sensação de que tudo está bem e de que os outros te verão como vc se vê, simplesmente uma …

Propagandas - palhaçada!!

Como disse anteriormente, dei um tempo de face, sobretudo por causa desse tipo de propaganda que encontrei por lá:
Agora encontro no yahoo essa:
Bom, se estivesse em um site pornô ou relacionado a esse tipo de coisa, tudo bem, e eu nem saberia porque não costumo acessar esse tipo de site, mas isso não vem ao caso, o que me incomoda aqui é que, no caso da rede social, parece até que eu estou fazendo aquela propaganda... e no yahoo, eu vou ler uma notícia e este negócio está lá. Espero que aqui no blog não comecem a aparecer coisas desse tipo. Já reparei que tem umas propagandinhas acima do título, quando se abre a página. Não me lembro de ter permitido isso, pois o blog sim é uma página pessoal e posso colocar o que eu quiser nele. Ainda não tirei o calendário por não ter achado algum outro melhor, aceito sugestões. Porque várias vezes vi na parte logo acima do calendário que tenho aqui umas imagens estranhas de propagandas do tipo dessa aí de cima... 
E tem os links para propagandas …

Um tempo

"Mostra que o romantismo se descuida E que a poesia sobrenada sempre Ao pesadelo clássico do estudo"
Álvares de Azevedo, Ideias Íntimas. Lira dos Vinte Anos
Um tempo. Eu precisava de um tempo de tudo, mas apenas o tempo do sono, oito horas dormidas, foi suficiente. Eu ia fazer a viagem. O dinheiro não veio. Eu ia pedir tempo, ia terminar. O tempo do sono me mostrou que melhor não, porque nós vamos nos adaptando aos hábitos do outro, aos defeitos, vamos nos moldando, nos encaixando. Vamos vivendo esse amor...
Aí resolvi procurar o tempo necessário em outras coisas. FB, tempo. Mundo, músicas, tempo. tempo de recorrer ainda mais à Ele. Fui dar um tempo maior dentro de Sua casa. Tanta coisa pra falar pra Ele, tanta coisa que depende da ação dEle... tanta coisa.
Tem o tempo que estou esperando pra sair minha nomeação no concurso do Estado porque sim, ainda tenho chances. Espera, espera, espera... Enquanto isso leio sobre poesia, mas não escrevo há tempos... leio Álvares e me vejo...…

Hipocrisia, eu quero uma pra viver

A galinha preparada para o abate tem a ponta de seu bico cortada desde cedo, para que não se machuque nem às outras galinhas. Como ela vai pra abate mesmo, ninguém se preocupa com a dor que lhe acompanha desde então pela sua curta vida afora... 
O peixe tirado d'água morre por asfixia, uma morte lenta e dolorosa. 
A flor podada fenece mais cedo.
A mulher mutilada se cala em dor, assim como a criança violentada, privada de seu ser criança. 
O boi para abate é amarrado por uma pata e fica rodando até chegar no lugar em que lhe cortam o pescoço e ele, ainda vivo, sangra até morrer, uma morte lenta e dolorosa.
O porco leva choques para não sentir a dor do golpe que lhe abaterá. No entanto, abatedouros que querem que o bicho vire logo bacon não lhe fornecem choques suficientes, fazendo com que sua morte seja extremamente dolorosa.
O refrigerante tem ácidos, ácidos, e mais ácidos e coisa oxidantes e aromatizantes. menos qualquer fruta que esteja na propaganda.
O ser humano tem ideais q…