sábado, 15 de setembro de 2012

Sonhos quebradiços


 and my spirit is crying for living...
uh, makes me wonder...
Starway to heaven
Led Zeppelin

Não vou pedir pra você voltar
pra vir de novo me tirar do sério
me fazer um carinho e me amar


queria sim...

mas hoje preciso de lápis de cor e minhas balas de torta de limão
tão doces quanto seus beijos
os biscoitos recheados, as barras de chocolate
o yogurte e faltou ainda o doce de leite

Nada substitui o teu sabor
mas não vou te pedir pra vir
e me amar, e depois se levantar
e dizer que tem que ir embora, porque já é tarde...

Foi sempre desesperadora pra mim essa cena do adeus
eu nunca sabia se você ia voltar
e voltavas, e te demoravas no meu corpo e no meu coração
mas era sempre quando querias...

Sou eu agora que não quero mais
não quero mais só isso... querendo tanto ainda... tudo.

Tenho preguiça demais de arrumar a bagunça do meu quarto e do coração
porque nem sei por onde começar
talvez varrendo tudo, colando pedaços
fazendo nõa a minha vontade, mas o que devo fazer

Por isso você não vem mais
não virá
ficará na lembrança de todos os sonhos meus
sonhos inteiramente quebradiços
que por um triz ainda não se partiram de todo...

Mas só sinto que de repente por um momento todos se foram
cuidar de suas vidas, me
abandonaram, simplesmente
pois preciso sim de um comentário, um curtir, um oi e aí?
quem se importa? você eu sei que não...

Nós somos os cinco últimos anos passados
em suas mãos nunca estive a salvo
olhe pra mim, olhe pro meu quarto, tudo no chão, tudo exposto
sempre me expus inteiramente pra você, sem nenhuma reserva

e você, nada. Você emsimesmado...

__________________________________________________________________________

E sei lá, será que os amigos são só companhia pra balada, ou quando vem visita em casa, ou quando tem aniversário de alguém, ou quando chama? Sei lá, tem que ter motivo especial? queria ir ali tomar um sorvete, pode ser? Andar e bater um papo, sem bebida, sem grana, sem nada, só a companhia... de dia, precisa ter cerveja, gente pra olhar, de noite? poxa... O mundo é louco.

___________________________________________________________________________

E eu nem mais o que dizer, so sei que não sei dar tempo ao tempo, quero ir, quero aqui e agora, quero  me casar amanhã, começar um namoro hoje, engravidar depois de amanhã, morrer de amor...

Morrer porque não vou mais te pedir pra vir, voltar. E isso me mata.