Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 4, 2012

Estradas...

Continuo na espera das horas: meus pés cansados dóem muito, acho que por causa das novas estradas pras quais rumei, a do morro aqui de casa e a do esquecimento... Por que tem que ser assim?
Não vivo direito, todos os dias acordo, saio cedo e me sinto uma cumpridora de deveres, nada mais. Tenho que trabalhar, tenho que ir ao médico, tenho que almoçar, tenho que ir à aula, tenho que, tenho que...Tenho que esquecer só por causa do outro, das circunstâncias, não porque eu queira realmente. Tenho que emagrecer, branquear, ficar rica, mais baixa, usar salto, ir ao salão, me embelezar...
Hoje já é amanhã, e eu ainda estou aqui, com fé mas sem obras, esperança sem atitude, crença sem ação, noite sem sono, sono vazio e pesadelístico... Assim eu vou. Boa noite.
...