domingo, 11 de agosto de 2013

Pais


meu pai, Mister Osvaldo, que significa poder de Deus :)


Já os conhecemos quando têm uma certa idade. O meu tinha 24 quando eu vim ao mundo. E aos 29, quando eu tinha 5, ele me escreveu um texto lindo que já publiquei aqui. Meu pai foi pai cedo, eu fui a primeira filha, a primeira experiência dele. Meu gosto pelas letras vem dele, que se daria muito bem na mesma área, se tivesse mais tempo ou cabeça, como diz minha mãe. 
Hoje meu namorido é pai também, de uma futura menina. Ele é filho único do coração de seu pai. nesse dia, penso  em muitos pais, no seu Osvaldo, meu pai, seu Domingos, o sogro, seu Raimundo que foi meu "senhor barriga" por um tempo, amigo, visita constante. Penso também no Edmilson, meu cunhado, e no Isaque, meu irmão mais novo, todos pais. Penso no seu Temístocles, pai do meu cunhado, e no seu Adelino, pai-bio da minha irmã. Penso nos pais ausentes e nos de coração; apesar de o papel de mãe ser tido em mais alta conta, o do pai não é mero coadjuvante. O namorido atualmente só tem o pai, que está nos ajudando muito nessa fase de "casamento". Hoje recebemos sua visita juntamente com a bisa da nossa filha. Ainda custo a acreditar que seja menina porque estava me acostumando totalmente à ideia de um menino. 
Bom, parabéns a todos os pais, sobretudo aos meus: pai da terra e pai do céu. E parabéns ao Mr. catra, pai de 23 filhos, sem adoção!! Bye :)