sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Felicidade

10 meses hoje!


Descobri a segunda característica rara da minha filha: continuar acordando à noite após os seis meses. Isso não é nada bom, mas acho que viciei ela nas mamadas noturnas. Li que às vezes o bebê acorda e só quer sentir a nossa presença, e podemos deixá-lo chorar um pouco ou apenas acalmá-lo, tentando não pegar no colo. Não consigo, sempre pego a Lídia e ela mama. Algumas vezes ela já chorou e voltou a dormir sozinha, mas foram pouquíssimas vezes. Estou tentando dar mamadeira na hora de dormir, mas ela não aceita muito bem.

Descobri também que felicidade é vê-la, finalmente, apoiar os joelhinhos no chão, além das mãozinhas, e engatinhar. Antes ela levantava o quadril, que é sinal de que a criança vai andar... ela é a felicidade caótica, inverte a ordem das coisas, faz seu próprio mundo, linda que é. Levanta apoiada, anda já (apoiada nos papais, é claro), "fala", sorri, acena, reclama, grita, chora, gargalha, enfim, cresce sempre mais, espero que sempre bem. Ela é muito animada, faz força pra falar, solta um monte de barulhinhos... felicidade, linda, linda, linda, orgulho! :)

A vida não espera e sempre nos ultrapassa, passa em cima, massacra. Rotina é chato e ter a Lídia faz tudo ser e estar, verb to be, sei lá, é tudo secundário perto dela, nada mais importa, somente sua linda risadinha :) Thanks, God! Bye.