Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 5, 2010

TATU

eu sou eu pq inconsisto
porque me invento
e já nao conto o tempo
eu sou eu porque existo assim no cisco que cai no olho
eu sou eu porque eu nao sou akela lá
e sou sem ser existindo
já não contando meu tempo

eu peso em mim
e nao conto o tempo, nao conto o tempo, não conto...
o tempo...

dia 20 foram 27 primaveras
já faz 16 dias
algumas horas
e você, segundo...

eu nao, eu nao eu não!!!

eu já não conto
e o contar é lento
eu sou eu porque sou o me conformo
e me piso e me transformo
num só golpe
de compaixão

eu me remeto a mim
e tudo é vida, alterego, complexo
tudo é eu

e eu preciso de eu
preciso da minha loucura sã
e do meu raciocínio insano

loucura eu, loucura tu quem sobra e fica é o tatu.