terça-feira, 1 de outubro de 2013

Vida 2


Ando preocupada comigo e com ela, com o que vai acontecer conosco. Sou do tipo que sempre pensa no pior, então... e ainda fico ouvindo tantas histórias... Sei que com cada uma é diferente, mas sempre pinta aquela angústia. Família (minha) longe, minha mãe vem aí, mas não sei, fica aquele suspense no ar, não sei...
Amanhã é aniversário aqui de Viçosa, feriado na cidade, portanto. Como estou de férias, nem faz muita diferença mesmo. Mas em dez dias minhas férias acabam, aí entro de licença logo em seguida, se tudo der certo.
Lídia mexe muito, e à noite então... dá pra ver as ondas na minha bariga, tem hora que está mais pra um lado, sobretudo o direito, ela adora o lado direito não sei por que. Outubro vem aí e o chá dela será dia 19. Hoje tivemos um pequeno chá lá na igreja, muita gente esqueceu, enfim, mas ganhei algumas fraldas. O segundo, dia 19, será na véspera do meu aniversário, mas vamos ver se alguém lembra disso... eu tava sonhando com essa data, planejando coisas, talvez um book, uma festa, mas não vai dar pra fazer nada, a não ser que alguma alma caridosa lembre-se e mim, afinal são trinta anos. Trinta anos. 30. Pô!

Outubro chegou hoje e esse textinho acima estou escrevendo há dois dias já. Hoje me deu tristeza de pensar, ainda, no meu aniversário. Minha situação é complicada e planos foram por água abaixo já, sobretudo por questões financeiras. O que vai sair mesmo, em nome dEle, é o chá da baby na véspera. Acordei pensando nas minhas avós também, já que hoje é dia do idoso. Na verdade eu soube pelo programa encontro e ai pensei na época em que recebia cartões de aniversário e natal das minhas avós. Ainda tenho todos eles, recebi cartões até os 15 anos, acho. Hoje, nada. Acabaram as cartas, mas outro dia mesmo escrevi uma pra minha mãe, ainda escrevo para meus pais. E hoje ainda escrevi um poema, enfim. Em inglês. Deve ser inspiração outubreana :) Bye. 

LIFE

I’m wearing the same old clothes
The same old curly dark brown hair
I am the same
But there’s something new
Inside me.

I am the same old one
Same taste for good and bad things
For black and white
But there’s something new
Here inside

I have the same feelings and fears
I am an old teenager
A young adult
With something new
Inside me

There will be no parties for me
There will be no congrats
There will be no prizes
But I’ll write my book
Because there’s something new here inside
Called life.