domingo, 19 de setembro de 2010

verdades II - "E se fosse verdade?"

"E se fosse verdade", com a Reese e o Mark Ruffalo. comédia romântica das boas!
Vontade súbita de uma garrafa de café. De ter a garrafa mesmo, e de fazer meu café, como há muito não faço. Aliás, nem cozinho, mas nao perco minha habilidade com o arroz, sempre que vou pra casa.

o friozinho aqui aumentou, e vontades súbitas, sutis e outras nem tanto, me vêm à cabeça a todo momento, emergindo como verdade. Estou ouvindo agora Sade. Ela é perfeita para dias assim. Mas fala de amor em excesso... Ah! consegui assistir o filme "de boa", chorei em algumas partes, de rir e de emoção mesmo. Não, nenhuma lágrima de tristeza. Só minha cara séria de sempre, que já demonstra tristeza, como Elizabeth, vivendo só para o trabalho, mal conhecia os vizinhos, poucos amigos... mas amores mágicos como o que aconteceu com ela e David, são para poucos, ou para personagens de filme mesmo, sei lá.

Nao gostaria de ser tão abstrata, mas tbm nem tão objetiva. Equilíbrio? creio ter. Vontade de uma garrafa de café. E vou ao cinema sozinha, encontro com  Leo Dicaprio. Preciso ver esse filme, já que acompanho toda a filmografia dele. Continuo aki ouvindo Sade, lendo sobre crenças na aprendizagem e ensino de inglês, esperando que a menina do dia termine de lavar o banheiro para eu tomar outro banho (tomei um de manhã depois de fazer caminhada, sim, eu fiz uma caminhada hj!). Bye.

verdades

São Paulo - Estação da Luz

Saudade súbita de São Paulo. Ligo o note, msn, amigo dj, ouvindo Jamiroquai no Kboing...Jamiroquai é muito São Paulo, akela coisa cosmopolitan, lounge, sei lá... nem posso pensar em Sampinha tão cedo... mas deu saudade mesmo, não de casa, mas de São paulo, da ideia de São Paulo, do que São Paulo representa. E o q representa? Pra mim, sobretudo shopping, cinema, correria, compras, roupas, muita gente, muita gente mesmo! ate estranho um pouco quando vou pra la´...to axando que nasci pra cidade pequena, mesmo pq nasci em uma, apesar de não ter permanecido lá por muito tempo. É outro lugar que me dá saudade, Petrópolis. Là tem um clima acolhedor, o centro é um tanto meio cidade grande, mas Petrópolis gosta de gente, gosta de acolher gente.

ouvindo agora LightHouse family, muito bom, muito São Paulo tbm. Hj vai passar di novo "Just Like Heaven" (amooooooooo!!) nao posso perder! Na trilha sonora tem James Blunt, "You're beautiful" de onde tirei o titulo deste blog, já explicado em post anterior. "E se fosse verdade?" hm...

E se fosse verdade....tanta coisa poderia ser verdade... nossos sonhos poderiam ser verdade, o que imaginamos e com quem imaginamos poderia ser verdade... poderia ser verdae que eu to do jeito que cheguei em Viçosa, mas não é; poderia ser verdade que estou com certa pessoa ainda, mas não é. A minha verdade é mentira, minha alegria é triste hehe.... mas nao falemos disso "aujourdui". Hj tá um friozinho-são-paulo-de-ser, bonzinho pra dormir. Sei que hj à tarde, quando eu deitar pra ver "Just like heaven" vou sentir falta de um cobertor de orelha, apesar de ter o meu de tecido mesmo rs. Nao vai ser fácil. Nao pretendo me torturar e sofrer voluntariamente; isto já foi do meu feitio, mas entendo que não o pode ser mais.

Ai, São Paulo!... fica perdia com e em vc. Hj é pra vc esse climazinho assim amsi ou menos, esse moramaço, essa secura do clima. É assim que vc é, é assim ue eu te lembro, q me lembras. Petrópolis tbm, e quiçá Viçosa. Três cidades de climazinho frio. Que acolhem e maltratam, deixando cicatrizes e lembranças pro resto de uma vida. Bom dia paulistas, petropolitanos e viçosences. Bye.