Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 21, 2011

Eu sou...

Eu sou uma cantora oca,
música falida,
poeta torta
nem poetisa...

eu sou uma falha no segmento Melo Silva
uma coisa à parte
a ovelha
nem mesmo negra...

uma cantora sem voz
atriz sem palco
poeta sem papel
prostituta sem bordel
me resolvo na rua...

saí assim, meio assado
porque mãe queria um menino
ai veio eu...
atrasada pra viver
conhecendo o cara certo na hora errada
respondendo certo mas atrasada
pensamento retardado

mas...sensata lucidez
afiada sagacidade
boa voz
desenvoltura no palco
dom da poesia...
tudo covardemente não desenvolvido.

E agora, José?

Sempre o Nunca

Pensei em você o dia todo
e tudo dói
pensando nisso
acho que é mesmo disso
que é feito o amor:
essa confusão toda, essa agonia
essa dor de alegria
essa tensão e mais agonia

o sofrimento, ah sim, ele
é completamente próprio:
o sofrer dos 5 minutos antes do encontro
o sofrer da distância
o sofrer eterno do nunca mais...

ah, sim, os meus nunca-mases
minha coleção extensa...

será que eu te amo?
começo a duvidar...
tanto sofrimento, será mesmo
que faz parte?
nunca um encontro de sentires?
nunca ouvir um eu te amo sincero?
nunca a troca de carinhos sem sexo
um abraço fraterno
um beijo terno,
nunca?

sim, meus nunca-mases
até quando suporto viver com eles?
pensei neles e em você
the whole day...
pensei no presente do seu aniversário,
pensei no seu ovo de páscoa
pensei na conversa sincera e pessoal que nunca tivemos.

pensei nas nossas mãos dadas por aí
pra todo mundo ver...
qual será o sabor disso?
e é disso
que é feito o amor?
desses detalhes todos?
das pequeninas coisas partilhadas...

o bom …

Gotta go there

I feel myself unexpressive. Days pass me by and I feel nothing. I can't even express myself in my own language. Maybe that's the point: my own language cannot cover what I mean, all the world I wanna mean, all the words I wanna say. I just can produce love through poetry, not prose, not even in my own language. Yeah, I know I'm getting repetitive. That's the point: English and me were meant to be. I don't even know what it really stands for, but I just feel English as well as I breath. That's why I gotta go there, uncle Sam's land: I gotta go there, really gotta go.

I gotta do my drama
my theather
my life, the play of my own life
I gotta go there.
and that's all.