Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro 4, 2012

A marca da felicidade

Ele chegou e deixou a marca, um sorriso, o cheiro bom, o andar, meu colchão no chão, o vagar dos risos e palavras... Deixou uma impressão doce e firme, chegou pra ficar. A conversa simples que me tirou do devaneio dos imortais, me voltou os pés no chão, a razão que decidiu o amor. E as ignorâncias alheias, nem ai... tá tudo diferente, como diz a Maria Gadú...

Fui roubada, o concurso do estado para BH... talvez não fosse para eu ir mesmo, mas tudo foi uma grande sacanagem... erro dos correios, desvio de correspondência? Não... só não sei o que foi.
Nos casamos já. Não diante dos homens, mas foi compromisso assumido com Deus. Entre nós. 

No meu quarto, tá tudo bagunçado. A vida, uma revolta. A sorte no amor me dói até os dentes. Não me acostumo à felicidade de um dia normal jamais.

Boa noite.