Pular para o conteúdo principal

SOU FELIZ!

Estudei um bocado hj (isto é, ontem, já passa das 24h). fui à Igreja. E, a essa altura do campeonato, parece que iso não faz muito sentido. Mas eu não posso largar, simplesmente não posso. È o unico lugar em que tudo que é dito é verdadeiro, dentro do parâmetro espiritual. Nada escapa à realidade, não ha duvidas; duvidas temos como bons seres humanos que somos, mas... quando vc realmente entra na esfera divina, não há duvidas: Ele está lá, e com Ele, a solução de tudo.

Fui descendo a reta (como descer uma reta? rs...modo de falar) e pensando que sou feliz, com todos os percalços e prós e contras da vida. Ai eh que esta a felicidade na vida, em viver. Uma vez aki, uma vez que vc dcida viver, vc eh feliz por isso. mas alguem que tenha decidido nao viver, que realmente deseje a morte, não eh feliz pois nao aceita o dom supremo que Ele nos deu, a vida, do qual surge o nome Davi (invenção minha?).

Sou feliz por crer nEle. Sou feliz pq sempre fui uma pessoa extremamente depressiva e emsimesmada, mas agora estou me libertando de certas amarras. As amarras que me colocavam mais perto dEle eu afrouxei, infelizmente. Mas a vida segue, está ai e eu decidi vver, aceitar a dadiva dEle. Apesar de tudoq eu passei, tudo cooperou, de certa forma, para o meu bem. Fiz o que pude e me arrependo sim de muita coisa. Sim, esse texto tem tom de despedida. Talvez seja uma adiantada, pois outras virao, tenho muito a dizer antes de partir, se é que vou partir.

Sou feliz principalmente pq dentro de mim, apesar de tudo que já aprontei, sempre tive Ele no coração, a fé, a biblia, a crença. Creio piamente na Biblia e ela pra mim nao eh um livro como outro qualquer; é passivel de interpretação subjetiva, literariamente falando, mas como cristã, não a questiono, jamais. Sou feliz pq dentro de mim  a essencia divina sobrevive: creio na castidade e morte sacrificial de Cristo, na concepção virginal de Maria, na Biblia Sagrada, na Igreja. Sou feliz pq preservo algo que é como um tesouro em tempos de turbulencia: o silencio, o ouvir a natureza, que equivale a ouvir a Ele. Observar o sol que nasce e a lua q desponta é vê-lO, é saber que Ele está lá, ali, aki comigo.

Sou feliz pq Ele acredita em mim quando digo que nao quero mais beber ou fumar, e nao ri de mim; feliz pq Ele não questiona minhas aões, mas deixa eu ir em frente, quebrar a cara para voltar a Ele e deixar que Ele cuide de mim; feliz pq em noites mal dormidas ou menos dormidas, ou chorosas, Ele está mais perto do que nunca, posso sentí-lO. Feliz porque apesar do pouco que compareço à Igreja, através da Biblia, Ele sempre fala comigo e sua presença é tão perceptível que eu choro, e me envergonho e confesso minha fraqueza...no dia seguinte, estou em alguma bar, mas sei que Ele ta sempre me esperando, me protegendo de tudo, tudo mesmo.

Hoje a palavra foi sobre ingratidão. Muitas vezes fui ingrata com as pessoas, com Ele, tenho certeza. E por isso essa mensagem pra dizer Obrigada, Senhor; pq apesar de tudo (quanto pesar!) ainda és o Senhor da minha vida e de ti jamais desconfiei; és o unico que me entendes plenamente e  atendes sempre as minhas orações; és o unico fiel amigo e verdadeiro, e tem colocado pessoas valiosas em meu caminho, e tbm pessoas com as quais eu não aprendi a lidar, e fracassei no objetivo de levar as pessoas até a ti. Obrigada pq eu sou quem sou e me orgulho, vejo que o que sou é bom, assim como o Senhor na criação, quando ia fazendo tudo e vendo o quanto era bom. O mundo é ainda bom, Senhor, tirando a maldade humana. Obrigada, meu Senhor, por tudo. Amém = assim seja. bye.

Comentários

Amanda... disse…
Rebeca...a maior expressão de Deus em você está no dom que ele te deu: ser espelho de almas quando escreve...

adoro seus textos!

admiro demais o seu talento como escritora, cantora, atriz, blogueira; sua amizade...seu jeito...seu humor...seu exotismo...(ui!). Não deixe isso morrer...a gente se fode mas é feliz e tem saíde pra dar e vender...

Beijos cheios de lugares comuns...
yo!

Postagens mais visitadas deste blog

A solidão do professor

Pouco se fala sobre um sentimento que por certo atinge o professor: a solidão. Fala-se em valorizar o profissional, em melhorar salários, em aperfeiçoar a formação, capacitar sempre mais. Não se lembra que é uma profissão que precisa de cuidado psicológico. Você briga com e contra os alunos muitas vezes. Você tenta abrir suas mentes para o novo, o velho, fazer as conexões, entender, aprender. E tem hora que parece que a gente desiste. Que quando vem um comentário altamente crítico ao seu fazer, desmoronamos. Poxa, tanto esforço pra nada!? A falta de retorno positivo, de um elogio, um abono, uma promoção é deprimente. Desgastante. Falta retorno do aluno também. Pelas provas, nada sabemos. Não conseguimos tampouco estabelecer uma relação ais próxima com cada aluno. Nenhum deles vem e diz, "nossa professor, aprendi tanto na aula de hoje!" (pode ser que algum faça, na faculdade talvez). A gente tem que advinhar as dúvidas, o que poderia ser mais dificil ou não, e segue o ritmo …

Carta pra Deus - part I

Querido Senhor Deus,

Gostaria de lhe avisar que seu Projeto Humanidade não deu certo. Deu ruim. Pifou. Faliu. Desculpe começar essa carta assim e, claro, eu sei que o Senhor é onisciente e sabe de todas as coisas, porém como o Senhor ordena em sua Palavra que oremos e nos comuniquemos contigo, creio que o Senhor quer que eu lhe dê o meu relatório-humanidade-atual, o meu parecer, o meu ponto de visa, já que parece, novamente por tua Palavra, que o Senhor se importa com meus sentimentos. Pois bem, dito isso, passo a relatar o que vejo que deu tão errado assim, tipo TUDO. A indústria de alimentos: Ah, a alimentação! O Senhor se lembra quando nos criou? Adão, depois Eva... aí o Senhor disse o seguinte: "Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento." (Gênesis 1:29). O Senhor nos deu a alimentação natural, a melhor que possa existir, com toda variedade de frutos…

Retrospectiva 2017

Assisti a duas retrospectivas de 2017 hoje, pois ontem estive na igreja e depois fomos para a rua ver os fogos. A pequena não gostou muito por causa do barulho. Gosto de saber, de rever, relembrar, e saber que graças a Deus sim, temos mais um ano a construir pela frente. São muitas coisas a consertar, e, já que não posso exigir a mudança no outro, que comece por mim!


 Hoje comecei a ler o livro que ganhei de uma aluna, "A progressão da vida divina", com textos bíblicos diários a ser lidos. Nos últimos tempos, voltar-se para o cultivo da vida espirtual, fé, oração, leitura, tem sido quase que obrigação por tudo que a humanidade tem passado. Pois só com algo divino é que podemos contar, e uns poucos amigos e família. E por isso o inimigo tem tentado destruir famílias de todo jeito, como já estava escrito. Nosso único consolo e esperança está nele e em sua palavra, não há para onde correr, ainda que o ser humano se mostre bom em alguns momentos. Enfim. Mais um ano para caminhar…